sexta-feira, 9 de setembro de 2016

A palavra de Deus é o Poder Rm 1.16


 Por mais de duas décadas ininterruptas, tenho me dedicado a evangelização das comunidade dos locais por onde passei. pregamos em ruas, avenidas, ônibus, trens, templos, escolas,praças, quadras, ginásios e campos de futebol. Vi muitas pessoas se converterem, reconciliarem e algumas se lançar ao chão em clamor de arrependimento. No entanto, cada evangelismo que realizamos, nos deparamos com reações diferentes.



 Nesse Momento, estamos empenhando esforços numa comunidade chamada de "Tubo", a mesma das últimas postagens que realizamos, e confesso que mesmo depois todas as experiencias que pude contemplar ao longo de todos esses anos na evangelização, nesta posso contemplar o desejo que o povo tem de aprender a palavra de Deus.


 Pois colocamos cadeiras em meio ao espaço que temos disponível ( céu aberto) e montamos salas de aulas e por mais de uma hora pessoas estudam conosco a palavra de Deus e se entregam a Cristo. Aleluia!

O poder da palavra esta na própria palavra de Deus, por isso posso faze minha as palavras do apostolo Paulo que disse: Não me envergonho do evangelho de nosso Senhor Jesus Cristo pois é o poder de Deus para a salvação de todo aquele que nele crê. Rm 1.16
 Junte-se a nós em Oração por esta obra de evangelismo.
Em Cristo!
Pr Marcos Cruz

segunda-feira, 4 de maio de 2015

Cruzada de Impacto



Meus irmãos, vivemos dias em que precisamos evangelizar. Estou feliz pelos trabalhos de evangelização que estão sendo realizados pelo nosso Brasil. Nos dias 16 e 17 de fevereiro de 2015, tivemos a oportunidade de realizar alguns trabalhos de evangelismo nas comunidades próximas da nossa igreja. Realizamos cruzada na comunidade do Tubo e na Comunidade do Nova Conquista e fomos abençoados por Deus com decisões.
Convido todos a juntar-se conosco em oração e no alvo de comprar uma tenda para a realização dos nossos projetos. 







terça-feira, 31 de março de 2015

A importância de um retorno.





Em muitas viagens pelas estradas brasileiras nada me deixou mais intrigado do que quando errei o caminho. Como é ruim!
Algumas vezes encontrei  o retorno bem rápido, e em outras tive que andar muitos quilômetros a frente até que conseguisse achar.  Mas em todas as vezes que necessitei  de um retorno eu usei e, todas as vezes em que passei pelo ponto onde errei me perguntei como pude me distrair a ponto de sair da rota? Entre tanto nervosismo por conta do erro ,retornei ao meu destino mesmo depois de gastar tempo , dinheiro, combustível em algumas ocasiões perder o compromisso.
Se é ruim ter que  pegar um retorno imagine errar o caminho? Como é ruim quando erramos o caminho! Ainda bem que existe retorno pelo menos para quase todos os caminhos que pegamos errados na vida.
Tenho algumas perguntas a fazer:  será que existe alguma coisa que podemos fazer para evitar o erro? Será que depois de errar estou disposto e pegar um retorno? se você errou já pensou na hipótese de retornar?
Muitos não querem retornar e insiste no caminho em que conhecem antecipadamente o trágico fim.  Amigo, se você errou numa escolha, ação, investimento e etc. pegue o mais rápido possível uma estrada de retorno. prefira passar pela vergonha de ter que retornar, do que a vergonha de insistir no destino que  vai te arrebentar todo logo mais a frente.

Talvez um retorno poderá  colocar a sua vida, família, fé e muito mais, no caminho da felicidade, mesmo que isto seja a prova de que em algum dia, atitude ou lugar você errou.

sexta-feira, 31 de outubro de 2014

O homem que tem prazer em ganhar uma alma para Jesus.








Desde que recebi a primeira missão de pregar o evangelho da salvação para os pecadores, aprendi amar a evangelização e fui despertado pelo desejo ardente de levar pessoas a Cristo.
Nasci numa igreja Evangelística, fui consagrado ao ministério por um evangelista, desenvolvi  as atividades ministeriais acompanhando evangelistas e participei de muitas campanhas evangelísticas em vários lugares e isso fez de mim um evangelista.
Tenho refletido nessa gloriosa missão, nesse ministério maravilhoso que tanta diferença faz numa igreja e percebi que está sufocado por tantas outras propostas e estratégias de evangelização que vão substituindo os métodos tradicionais.
Hoje ganhamos muitas almas e glória a Deus por isso! Por meio de propostas que mexem com os sentimentos da população e os comovem com lembranças do paganismo, na verdade tudo isso funciona porque temos igrejas lotadas, muitos batizados e etc. Mas o espaço que o evangelista deveria ocupar onde esta?
O Evangelista não vai ganhar almas por meio de paganismo, simpatias, sincretismo religioso, superstições e etc. ele vai abrir a bíblia e anunciar o evangelho da forma mais simples e os pecadores irão se arrepender.
O evangelista vai buscar pessoas nos lugares mais tenebrosos, desertos e traze-las ao convívio social. Ele vai libertar o oprimido, resgatar o perdido. Vai mexer com a igreja, aviva-la, movimenta-la e colocar no trilho da evangelização.

Infelizmente falta esse homem em muitas igrejas e, por isso, alguns ficam desesperados atrás de estratégias que os ajude a tirar pessoas de outras igrejas para encher as suas. Oremos a Deus a fim de que envie esse dom para nós. Que levante homens apaixonados pela evangelização, que tenham prazer em ganhar almas para Jesus, pois tenho certeza de que se isso ocorrer, o Brasil vai mudar. 

quinta-feira, 30 de outubro de 2014

Batizando em nome do Pai do Filho e do Espírito Santo.










Neste final de semana tivemos mais um glorioso batismo nas águas. Que benção quando a igreja cumpre a missão para o qual foi chamada.
Creio numa igreja viva e atuante, que leva a palavra de Deus aos povos não alcançados mesmo quando estes se encontram ao lado ou mesmo em nossa casa. Às vezes me pergunto o porquê de tantas pessoas não conhecerem o plano de Deus e, tenho entre muitas respostas a que aponta a ineficiência ou falta de clareza e verdade com o qual apresentamos o evangelho.
O evangelho é lindo, puro, edificante e inspirador, mas às vezes o apresentamos como se fosse algo extremamente ruim e quase que não aceitável. O Deus do evangelho que pregamos parece tão carrasco e inimigo do homem que gera mais ódio do que amor, afasta mais do que aproxima. Não creio assim!
Deus é simples, amoroso, longânimo, misericordioso , amor e muito mais...
Quando penso em Deus, o Deus da bíblia que eu prego, penso em alguém tão simples que se for preciso  sentaria comigo na calçada pra conversar. É assim que apresento Deus. Alguém que comigo sentaria na calçada e gastaria horas numa conversa para me convencer a segui-lo.
Não quero ser alguém que dificulta o caminho ou fecha a porta do céu. Não quero colocar o mundo no céu e sim as pessoas que vivem no mundo. Quero que todos sejam salvos a começar com os de dentro de nossa casa. Quero realizar muitos batismos; começamos com um a cada dois anos, depois passamos um por ano, agora são dois por anos e quero aumentar os eventos a cada ano. Tenho uma missão e não posso parar. Quero ir, pregar, fazer discípulos e batizar em nome do Pai do Filho e do Espírito Santo como fizemos nesse final de semana. Aleluia!

sexta-feira, 24 de outubro de 2014

Os Perigos da ausência e os Benefícios da presença na Escola Dominical.








Amo a  ED! E, mesmo que por muitos ela foi posta de lado, sucateada, taxada como coisa passado e para outros tornou-se o grande vilão que quer impedi-los de atravessar o domingo em sono profundo; resolvi realizar esse evento onde preguei e gravei o DVD acima do qual farei uma pequena abordagem do conteúdo de sua mensagem aqui.
Colocar de lado a Escola dominical é um erro que provoca prejuízos.Nos priva de conhecer mais as riquezas que Deus reservou para os que estudam a bíblia, nos deixa vulnerável aos ataques das seitas, nos expõe aos enganos bíblicos e nos enfraquece diante da poderosa ,milionária e destrutiva mídia. Em suma,nos torna uma presa fácil para adversário. 
Ao contrário, frequenta-la, e com a família, nos beneficia muito mais. Pois nos aproxima de Deus,auxilia no alcance de todos os nossos familiares,proporciona comunhão com os demais irmão que também são alunos e possibilita o esclarecimento das dúvidas que temos das escrituras. A ED é um aliado na educação cristã de toda a família em todas as faixas etárias e ainda auxilia na formação ministerial dos frequentadores que almejam o ministério, pois seu conteúdo é um poderoso estudo teológico e sistemático das doutrinas bíblicas.

Assim, o melhor é não perder tempo. Compre sua revista, se matricule e se delicie com os estudos quentes da ED. Do contrário, os prejuízos de se ausentar serão muitos e poderão atrapalhar toda sua caminhada cristã, pois o tempo infelizmente passa  e não temos como voltar atrás. 

Quem é o responsável pelo crescimento da Igreja?




As  vezes paro para pensar nas coisas que vejo e ouço e confesso que para algumas coisas não consigo explicações.  Contudo, tentarei expor o que penso a respeito de uma dessas questões sobre quem é o responsável pelo crescimento da igreja.
Depois de ouvir tantos falarem, conclui que alguns pensam que o crescimento da igreja é uma resposta direta do empenho humano. É verdade que não se ganha almas sem evangelismo, mas não se pode esquecer que quem dá o crescimento para a igreja é Deus.
Em  minhas viagens pelo estado onde moro e até mesmo fora dele, encontrei pessoas que testemunharam ter alcançado a salvação através de uma pregação que fiz em algum evento evangelístico em algum lugar , mas nunca encontrei alguém que me dissesse: “ pr Marcos! Obrigado, pois o sr me salvou”. Podemos pregar bem ou mal, mas quem convence o homem do pecado é o Espírito Santo. (Jo 16.13-16)
Onde as pessoas estão com a cabeça? Pois pensam que o crescimento da igreja está atrelado ao seu esforço ou é resultado dele. Engano!  Deus não nos deu esse direito ou essa missão. Essa honra é dEle e sempre será. Me lembro da experiência que li no livro do missionário Bob Hoskins, em que relata a paixão que sentiu pelos habitantes de Beirute, e depois de tanto pensar nalguma atividade que pudesse fazer com as pessoas se interessassem pelo evangelho , Deus lhe concedeu uma dizendo:  “publique num jornal”, e ele assim o fez. E não muito tempo depois, tinha mais de 1,5 milhão de alunos em seu curso bíblico. Deus dá o crescimento. Aleluia!
Não devemos querer tomar pra nós aquilo que pertence a Deus. A Ele a glória! Confiemos nEle.
Devemos realizar nosso dever de evangelizar  com alegria. E de alguma forma, tentar levar um pecador para ouvir um sermão que com certeza Deus vai trabalhar no coração do nosso convidado e salva-lo. Sempre e foi e será assim!

Ore, pregue, evangelize, faça tudo o que puder, mas não esqueça que o crescimento não esta em nossas mãos e sim nas mãos de Deus.  Ele é o responsável pelo crescimento da igreja. Aleluia!